Novo consumidor na América Latina: uso de pagamentos sem contato mais do que dobra em nove meses

Um novo consumidor surgiu na América Latina em decorrência das mudanças provocadas pela pandemia do coronavírus. Os hábitos desse novo consumidor envolvem a preferência por opções mais seguras de pagamento. Isso foi o que apontou o estudo mais recente da Visa sobre Preferências do Consumidor durante a Covid-19 na América Latina e no Caribe, realizado em dezembro. Abaixo, trago alguns destaques a respeito do estudo que mostram o quanto o ambiente se mostra favorável para o uso de pagamentos digitais, tanto em lojas físicas quanto no e-commerce.

Quando questionados sobre seus últimos dez pagamentos, 48% dos entrevistados disseram ter usado carteiras digitais, cartões sem contato e acessórios inteligentes, um volume mais de duas vezes maior do que o registrado em abril do ano passado, quando o percentual era de 23%. Além disso, quase metade dos entrevistados também diz fazer compras online uma ou várias vezes por mês, sendo que 71% deles pretendem manter essa frequência.

Além destes hábitos de consumo, o estudo mostrou ainda que há muita abertura para o novo. Cerca de 78% dos entrevistados disseram que esperam utilizar novas tecnologias de pagamento para fazer compras no futuro. A pesquisa foi feita no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, México, Peru e República Dominicana.

Um dos aspectos mais importantes apontados na pesquisa é o declínio no uso de dinheiro físico, ao passo que cresce a demanda por pagamentos digitais. O estudo mostrou que o futuro está alinhado com essa tendência, com 58% dos entrevistados demonstrando interesse em usar mensagens instantâneas ou plataformas de mídia social para realizar pagamentos.

Essa disposição vem em sintonia com um movimento que já vem acontecendo no mercado brasileiro. Gradualmente, grandes redes varejistas estão percebendo o potencial de ferramentas como o PIX e oferecendo descontos para essa opção de pagamento, como forma de incentivar o uso da plataforma. Ganham as duas pontas: o consumidor por pagar mais barato pelo produto e o varejo por ganhar fluxo de caixa e ainda receber por uma opção com taxas inferiores às praticadas por outros sistemas.

À medida que os pagamentos digitais vão ganhando mais força no mercado, os consumidores também ganham mais confiança e se sentem mais seguros com esses métodos de pagamento. Consequentemente, a percepção de valor também aumenta por parte dos consumidores.

Por fim, outro ponto importante frisado na pesquisa é que com o desgaste da crise sanitária, aos poucos as pessoas retomam atividades no dia a dia. Mas isso não significa que elas vão retomar os velhos hábitos, pois a preocupação com a segurança continua prevalecendo, por isso o apelo tão forte dos pagamentos digitais.

As soluções desenvolvidas pela Shipay permitem que varejistas de todos os portes e também trabalhadores autônomos possam receber pagamentos por QR Code, sempre de forma simples e unificada para facilitar a operação no dia a dia.

Clique aqui para conhecer a nossa integração